1962 - Optar pela Guerra

Antecedentes

Os Acontecimentos

  • 01
      01/1962

    01/01/1962 - 

    Assalto ao quartel de Beja dirigido por Varela Gomes, no âmbito de um movimento militar que não teve êxito.

    Na noite da passagem do ano, um grupo de militares e civis assaltou o quartel do Regimento de Infantaria 3, em Beja.

    O assalto estava ligado às movimentações do general Humberto Delgado, de oposição ao regime de Salazar, para instaurar uma democracia em Portugal.

    O grupo era comandado pelo capitão Varela Gomes e incluía os civis Manuel Serra e Piteira Santos, o capitão Pedroso Marques e o tenente Brissos de Carvalho.

    O major Calapez, comandante do quartel, conseguiu evadir-se após um tiroteio e avisar as autoridades.

    Varela Gomes foi gravemente ferido e o tenente-coronel Jaime Filipe da Fonseca, então sub-secretário de Estado do Exército, ao aproximar-se do quartel, foi morto.

    Humberto Delgado, que entrara clandestinamente em Portugal, deslocou-se a Beja na companhia de Adolfo Ayala e, ao verificar o fracasso da operação, voltou ao exílio onde se encontrava desde que fora demitido das Forças Armadas na sequência da campanha para a Presidência da República.

    O regime reagiu com dureza à tentativa de assalto ao quartel de Beja. (Diário de Notícias, 2 de Janeiro 1962)

  • 01
      01/1962

    01/01/1962 - 

    Instalação do DFE 1 em Santo António do Zaire, com a missão de impedir a penetração de guerrilheiros pela fronteira com o Congo, através do patrulhamento fluvial do rio Zaire.

    Operações no rio Zaire junto à fronteira com o Congo. [AHM]

  • 01
      01/1962

    01/01/1962 - 

    A CIA desenvolve o “Plano Comunidade”, para convencer o Governo de Salazar a conceder a independência a Angola e Moçambique.

    O “Plano Comunidade”, elaborado pela CIA, previa que Portugal concedesse a independência a Angola e Moçambique num prazo de oito anos. Baseava-se na premissa de que Portugal não tinha
    capacidade militar e económica para derrotar a guerrilha em África e oferecia uma contrapartida de 500 milhões de dólares para modernização da economia portuguesa. Este plano foi informalmente apresentado a Franco Nogueira e rejeitado.

  • 01
      01/1962

    01/01/1962 - 

    Constituição, em Dar es Salam, do Comité de Unificação dos Movimentos Nacionalistas de Moçambique.

  • 01
      01/1962

    01/01/1962 - 

    Formação da Resistência Republicana Socialista, participante na Frente Patriótica de Libertação Nacional (FPLN).

  • 03
      01/1962

    03/01/1962 - 

    Estabelecimento, em Lisboa, de um governo do Estado da Índia.

  • 03
      01/1962

    03/01/1962 - 

    Mário de Figueiredo lê o discurso de Salazar sobre a ocupação de Goa, Damão e Diu na Assembleia Nacional.

Arquivos Históricos

Lugares de Abril

Curso História Contemporânea

Roteiro Didático e Pedagógico

Base Dados Históricos

Site A25A

Centro de Documentação

Arquivo RTP

Cadernos 25 Abril

Filmes e Documentários

Arquivos Históricos

© 2018 – Associação 25 de Abril